Por que o planejamento financeiro é importante para as Startups?

Tempo de leitura: 8 minutos

Você com certeza conhece um exemplo de startup de sucesso com diferencial e ideias inovadoras, afinal de contas, este modelo de negócio é conhecido por isso. No entanto, por traz do sucesso, existe bastante estudo, dedicação e trabalho e para ajudar a consolidação no mercado, o planejamento financeiro é essencial.

Sendo assim, no artigo de hoje, vamos falar sobre como a contabilidade pode ser uma aliada quando falamos de planejamento financeiro, e como aplicar na prática. Vamos lá?

Por qual motivo é importante ter um planejamento financeiro?

Ainda não sabe qual a importância de gerenciar as finanças da sua startup? Talvez esteja na hora rever a maneira como você acompanha e controla o fluxo de caixa do seu negócio.

Em primeiro lugar, é preciso entender então o que é um planejamento financeiro. É uma ferramenta de gestão que norteia como usar os recursos financeiros de uma empresa do modo mais eficiente possível. 

O principal objetivo é buscar resultados maiores assim como um desempenho melhor, pois é praticamente impossível empreender sem manter um acompanhamento sério da saúde financeiro de seu negócio.

Então, se você percebe que sua performance financeira está abaixo do que é esperado, talvez seja hora de reajustar as abordagens para alcançar as metas a curto, médio e longo prazo.

Sendo assim, quanto mais eficiente for a gestão financeira, mais rápida será a chegada até os objetivos para se consolidar como referência na área de atuação escolhida.

Apesar disso, muitas empresas, infelizmente, acabam fechando as portas por falta de esforços destinados à elaboração de um planejamento financeiro. Quando falamos de startups, por exemplo, esse cuidado deve ser redobrado.

Evidência disso é o levantamento de dados feito pela Startup Farm. Segundo essa pesquisa, 74% dos negócios encerram as suas atividades em até cinco anos, sendo que 18% dos casos de empresas que fecharam antes mesmo de completarem dois anos. 

3 benefícios de um bom planejamento financeiro para startups

Uma das maiores vantagens e motivos mais comuns para investir em planejamento financeiro para startups é, sem sombra de dúvidas, a capacidade de prever cenários tanto positivos quanto negativos com mais clareza e ser mais proativo quando for necessário gerir uma crise.  

Imagine, por exemplo, se acontecer da sua equipe antecipar um possível problema que ainda apareceu e montar um plano de ação para enfrentá-lo caso isso aconteça. Isso seria ótimo para o seu negócio, não é mesmo?

Para te convencer da importância de uma gestão financeira para startups, preparamos a seguir uma lista com 3 benefícios que isso pode trazer para a sua empresa. Confira!

Acompanhamento do ROI

Como falamos anteriormente, avaliar a saúde financeira do seu negócio é uma responsabilidade diária e constante. Dessa maneira, será possível entender se você está tendo lucros ou prejuízos. 

É bem simples descobrir a situação atual. Basta usar como um cálculo chamado ROI (retorno sobre investimento). Por meio da equação abaixo, chegamos ao resultado do ROI, que pode ser recompensador ou alarmante:

ROI = ganhos – dinheiro investido / dinheiro investido

Caso o cenário encontrado seja alarmante, ter um planejamento financeiro irá te ajudar em uma adaptação ágil e eficiente para atender às necessidades e carências que o negócio apresenta.

Plano de contingência

Outra vantagem de ter um planejamento financeiro para startups é a criação do que chamamos de plano de contingência. Provavelmente, você deve estar se perguntando o que é isso. Então, vamos te explicar um pouco mais sobre esse assunto.

Basicamente, um plano de contingência é um guia de instruções que devem ser seguidas à risca para reduzir impactos e danos quando houver crises ambientais, sociais e econômicas. O objetivo deste documento é então controlar e conter as consequências dos imprevistos que podem afetar a saúde de um negócio.

Cada vez mais popular entre as empresas, é uma técnica bastante aplicada após estudar bastante os pontos fortes e fracos da empresa. Também é considerado, por exemplo, como eles podem afetar o equilíbrio organizacional. Porém, se enganam os empreendedores que ainda pensam em um plano de contingência como um recurso para poucos setores. Na verdade, qualquer empresa deveria ter desenvolver suas próprias estratégias nesse sentido. 

Como criar um planejamento financeiro para startups em 5 passos? 

Agora que você já sabe algumas das vantagens de ter um planejamento financeiro para startups, é importante saber também como criar um. Para que esse processo seja feito da maneira correta, há etapas que precisam ser respeitadas. Por isso, trouxemos uma explicação do passo a passo para uma gestão financeira mais eficaz.

  1. Investigue a fundo o seu planejamento atual

    Antes de tudo, sua análise deve passar um pente fino na sua empresa e examinar minuciosamente como anda  a situação atual dela. Assim, com esse panorama, será possível entender quais são os pontos fortes e fracos do seu planejamento financeiro vigente.

  2. Esteja sempre de olho no mercado

    Não basta apenas estudar os fatores internos do negócio para elaborar um projeto de gestão financeira mais assertivo. O comportamento do mercado precisa nortear cada ação exercida pela empresa para evitar que isso se torne um grave risco externo. 

    Por isso, sempre leia materiais que apresentam informações detalhadas sobre os padrões atuais, as tendências e as transformações no mercado de atuação. Estar antenado com essas questões é decisivo para o seu sucesso.

  3. Trace metas e objetivos

    Primeiro, o atual planejamento financeiro atual foi bastante destrinchado. Com isso então, você pode visualizar melhor as forças e fraquezas de seu negócio. Ao mesmo tempo, sua análise também considerou dados relevantes sobre o mercado. Aliados, esses dois caminhos conduzem até a próxima etapa.

    É hora de estabelecer as metas e os objetivos!

    Então, com o histórico de seu negócio em mãos, é possível traçar as metas que sua empresa precisa atingir e qual o período. Desta forma, ter um cronograma de prazos é de grande ajuda. Isso vai te ajudar a guiar as medidas que você deve tomar para manter um bom planejamento financeiro.

     

  4. Defina orçamentos a curto e a longo prazo

    Após definir as metas e os objetivos que devem ser alcançados, toda a equipe tem que validar o orçamento necessário para isso. Sendo assim, para ter mais controle e acompanhar com mais facilidade o andamento, você pode desenhar um esquema que englobe os quatro períodos de tempo abaixo:

    • Mensal;
    • Trimestral;
    • Semestral;
    • Anual.

    Nesse sentido, se o direcionamento de recursos financeiros inicial não estiver funcionando, é possível revisar esse plano de ação e remanejar as finanças para uma abordagem mais eficaz.

  5. Quais indicadores acompanhar?

    Por fim, com todo o planejamento financeiro para startups traçado, o próximo é descobrir quais indicadores você deve observar para ter certeza de que isso está funcionando. Vale ressaltar que cada negócio pode estipular as métricas que fazem mais sentido para a sua realidade. 

    No entanto, pensando em te ajudar, enumeramos alguns indicadores essenciais para um crescimento saudável da empresa.

    • Rentabilidade
    • Liquidez corrente
    • Lucratividade
    • Geração de caixa

Conheça alguns cases de sucesso

Como falamos ao longo do texto, ter um planejamento financeiro é um divisor de águas para consolidar qualquer empresa em seu mercado de atuação. Startups, por exemplo, estão inseridos em um setor em expansão. 

Na maioria das vezes, elas podem ser usadas para ilustrar com clareza cases de sucesso. Ou seja, provas reais de que uma determinada estratégia foi eficiente. Sendo assim, um planejamento financeiro bem elaborado. 

A seguir convidamos você a conhecer mais sobre algumas startups que tiveram sucesso em suas tomadas de decisão. 

Conclusão

Como vimos, gerir seus recursos financeiros com cuidado também é uma vantagem competitiva que te ajuda a sair na frente da concorrência. E isso pode ficar ainda mais simples e ágil com a contratação de serviços contábeis.

A contabilidade é uma aliada quando falamos em construir um plano de ação que transforme sua gestão de finanças. 

Afinal, além de ser uma guia para as melhores estratégias, também pode fornecer elementos para tomadas de decisão mais certeiras, deixa toda a empresa na mesma página em relação ao planejamento, controla o fluxo de caixa e mantém tudo dentro das exigências legais.

Portanto, se você tem ou já pensa em empreender com uma startup, a CLM  Controller pode te dar todo o suporte necessário em contabilidade. Fale agora mesmo com um dos especialistas do nosso escritório. Será um prazer alavancar os resultados do seu negócio. 

Gostou desse conteúdo? Acompanhe o nosso blog e não perca as nossas próximas publicações. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *